[Resenha] O Livro dos Vilões - Cecily Von Ziegesar, Carina Rissi, Diana Peterfreund e Fábio Yabu

19:37


Titulo: O Livro dos Vilões
Autores: Cecily Von Ziegesar, Carina Rissi, Diana Peterfreund e Fábio Yabu
Editora: Galera Record (Grupo Editorial Record)
Páginas: 320 
ISBN: 9788501042101
Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ 

Sinopse: Organizado da mesma forma que O livro das princesas – também com o esquema de dois populares autores nacionais, e dois nomes famosos do exterior – O livro dos vilões reúne estes autores para uma coletânea de contos sobre vilões icônicos dos contos de fadas. As irmãs de Cinderela? Malévola? Madrastas e lobos? Carina Rissi, Cecily Von Ziegesar, Diana Peterfreund e Fábio Yabu estão aqui com a mensagem: este não é um livro tão bonzinho quanto o seu antecessor.

Minha Opinião: Como todas as sinopses que encontrei (na interent, livrarias e no proprio livro) era bem resumidas vou explicar um pouco da historia de cada um antes de falar o que achei de cada conto. Ah, para quem não sabe "O Livro dos Vilões" e "O Livro das Princesas" trazem os contos de fada para a atualidade, ou seja são um retelling. 

O conto da Cecily Von Ziegesar (autora de Gossip Girl) é o primeiro do livro e se chama #StepSisters - Sobre Sapatos e Selfies. A história se passa em Nova Iorque e é narrada por Cindy e por suas irmãs, Dizzy e Nastia, que são loucas por sapatos e detestam sua irmã. Tudo começa quando elas obrigam Cindy a acampar na porta da loja Christian Laboutin para garantir o sapato que tanto querem para usar em um baile.
De todos os contos o da Cecily foi o mais morno. Bem superficial, mas acho que isso pode ser relacionado a personalidade fútil dos personagens (Upper East Side de novo?!). O final foi bem "diferente" digamos assim. O conto foi o que menos gostei do livro :(

O conto da Carina Rissi (autora de Perdida, Encontrada e Procura-se um Marido) se chama Menina Veneno e foi de longe o melhor do livro. Ele conta a historia de Malvina, uma modelo jovem e muito famosa, porém já é viúva. Quando seu marido morreu ela ficou como a responsável pela filha dele, Bianca. Ah, a Malvina é viciada em app no iPad que diz o seu nível de perfeição (o espelho mágico na versão original) e em algumas experiencias...
A protagonista já me ganhou no prólogo (leia ele aqui). Apesar de ser o maior conto do livro, li bem rapidinho porque ele me prendeu totalmente. Me apeguei completamente a todos os personagens, principalmente a "vilã". Uma coisa que gostei no conto é que ele é narrado como se a Malvina estivesse realmente conversando com a gente (bom ela meio que estava :P). O final foi perfeito, tudo como tinha que ser. Ah, o que curti bastante no conto - que acaba sendo a "lição" do livro e que está bem reduzido e estampado no prologo - é que as pessoas não são como aparentam ser e como pensamos que são e que as pessoas não são simplesmente 100% boas ou más, elas possuem um pouco de cada.

O terceiro conto é da Diana Peterfreund (autora da série de livros Sociedade Secreta) e se chama Quanto Mais Afiado o Espinho. O livro conta a historia de uma garota em uma família de bruxas, ai você deve pensar "Mas não era para trazer o conto para a atualidade e realidade?", calma, as pessoas acham que elas são bruxas mas na verdade não são, e por causa disso vive isolada com a mãe até o momento em que decide estudar em um colégio com as pessoas ditas "normais".
A Diana é a única autora do livro que já li algo antes, portanto minhas expectativas estavam nas alturas. E ele não me decepcionou, foi um dos melhores e eu simplesmente o adorei. Que nem o conto da Carina ele coloca a gente para pensar se as coisas são realmente o que parecem, quem são os verdadeiros "vilões" e que as pessoas não são boas ou más e sim uma mistura de ambos. Eu só achei que faltou alguma coisa no final, não me leve a mal ele foi bom mas, podia ser melhor mas mesmo assim foi digno de um conto de fadas moderno.

O último conto do livro é do Fábio Yabu (autor de A Última Princesa) e se chama A menina e o lobo. É contada a historia do Lobo Mau que não gosta de ser mau e está cansado dessa rotina de ir atrás da Chapeuzinho Vermelho e dos Três Porquinhos e com isso acaba conhecendo o Oitavo Anão (whaaaaaaat?).
O conto é bom mas, uma coisa que sempre achei legal é que os autores traziam os contos de fada para a realidade fazendo você pensar se os contos de fada não existem realmente mas de uma forma mais moderna, e qque nem o conto da Lauren Kate no Livro das Princesas o conto do Fábio não foi assim. Mas claro, tirando esse fato a historia é muito boa, teve um final surpreendente que eu gostei muito. Me afeiçoei bastante aos personagens e me apaixonei pelo lobo.
Bom gente essa foi a resenha do Livro dos Vilões (bem grandinha hahaha) e espero que tenham gostado.
Não esqueçam de comentar e seguir o blog.
xoxo,
Leti ♥

You Might Also Like

0 comentários

Subscribe